Intimidade: o motivo do sucesso nos relacionamentos

Intimidade é um tema interessante. Muita gente acredita que ela está relacionada apenas ao sexo.Se você pensa assim, temos muito o que conversar neste artigo.

Te adianto que intimidade e sexualidade são questões diferentes, para não dizer opostas (risos). Ela é a base dos relacionamentos saudáveis, sendo eles: amorosos, familiares, amigos e também do trabalho.

Intimidade x Sexualidade

Sexo é um tipo de relacionamento de troca que você tem com o outro. E isso não está relacionado diretamente à intimidade. Podemos ter sexo com uma pessoa e não ter um relacionamento íntimo com ela.

Já a intimidade está baseada na autenticidade, na confiança e sinceridade primeiro de si mesmo, e depois com o outro. Você não pode ser íntimo sem antes conhecer e se sentir  seguro em ser quem você é.

 

Conheça a Psicoterapia Individual

 

O que é intimidade?

A Intimidade é uma relação com reciprocidade de expressão emocional sem exploração e livre de Jogos, com total permissão para ambos os envolvidos se expressarem de forma autêntica de todos os sentimentos e emoções. É quando conseguimos nos entregar completamente de forma honesta conosco e com o outro.

É quando você está tão aberto para dar e receber que a troca entre você o outro acontece de forma natural. Só que para que isso aconteça é preciso estar totalmente livre de todas as dores, sofrimentos e sentimentos passados, consciente e livre dos “nãos” e dos aprendizados negativos que tivemos na nossa educação que impede as relações saudáveis.

Tudo isso vai se juntando ao longo da vida e de outros relacionamentos, e todos nós precisamos cuidar disso para que possamos resgatar e reaprender a viver verdadeiramente a intimidade.

Digo sempre que nos escondemos por medo do que o outro vai pensar e também de não ser amados. Assim, lentamente vamos nos fechando para a intimidade.

Envolve a autenticidade, a consciência e a autonomia.

Autenticidade é ter espontaneidade. É não precisar se esconder e não ter medo de mostrar pro outro aquilo que eu realmente sou. É ser livre de influências parentais, de scripts pessoais e familiares

A consciência de estar aqui e agora. Não no passado e não no futuro. Viver plenamente o que acontece no exato momento.

Autonomia no sentido de estar livre de tudo aquilo que aprendemos de forma errada ao longo da vida. Todos nós vivenciamos e aprendemos muitas coisas que nos impedem de viver de forma autônoma. E isso não é proposital, mas sim como uma defesa de vários sofrimentos, dores e etc.

É difícil ter intimidade?

Ao longo da vida vamos sendo educados e recebendo conselhos para não confiarmos no próximo, na vida e nos relacionamentos. Além de termos, também, decepções, dores, desamores e problemas nos nossos relacionamentos.

Com isso, vamos criando mecanismos de defesas que nos impedem de viver de uma forma tão íntima. Não acredito que seja difícil. Na verdade é mais fácil do que a gente pensa. A intimidade faz parte da nossa essência. Nascemos completos e vamos nos moldando ou nos desmoldando ao longo dos anos.

Para viver intimamente com alguém é preciso estar conectado conosco, nos conhecermos e sermos verdadeiros com o outro e com nossos sentimentos.

Se está difícil aprofundar nas relações, observe se você não tem amarras, defesas, dores e sofrimentos de coisas que viveu no passado. Observe os modelos de relacionamento que você tem na sua família, das formas de se relacionar das pessoas próximas a você, das mensagens consciente e inconsciente que seus pais te passaram.

E se você deseja mudar e melhorar a qualidade do seu relacionamento, comece a observar como você lida com a intimidade.

O problema é sempre o outro

Sempre que recebo no consultório alguém que diz “ele faz tudo errado”, já desconfio que a intimidade pode ser um problema para essas pessoas.

É bem simples de se explicar. Relacionamento é igual a um quebra-cabeças. Se eu estou perto do outro e acho que ele é um problema, é porque o desenho da minha peça está problemático também. Caso contrário eu não estaria alí.

Por isso, para o resgate da intimidade é importantíssimo que cada um busque cuidar de si, primeiro cuide de si, e depois da relação. E na relação, busque ter uma comunicação clara, direta, honesta e alinhe todas as expectativas. E se livre de todos os julgamentos.

Que tal resgatar a sua intimidade?

Fale comigo, é só clicar no botão.

Dúvidas? Clique Aqui!

Deixe seu Comentários:

WhatsApp chat